Índia é questionada por uso obrigatório de app de COVID-19